Now Playing Tracks

Salgueiro Chorão

"Salgueiro chorão com lágrimas escorrendo;
Porque você chora e fica gemendo?
Será porque ele lhe deixou um dia?
Será porque ficar aqui, não mais podia?
Em seus galhos ele se balançava;
E ainda espera a alegria que aquele balançar lhe dava;
Em sua sombra, abrigo ele encontrou;
Imagina que seu sorriso jamais se acabou;
Salgueiro chorão pare de chorar;
Há algo que poderá lhe consolar;
Acha que a morte para sempre os separou;
Mas em seu coração para sempre ficou.”

"Era uma vez, vejam vocês, um passarinho feio, que não sabia o que era, nem de onde veio. Então vivia, vivia a sonhar em ser o que não era. Voando, voando com as asas, asas da quimera, sonhava ser uma gaivota, porque ela é linda e todo mundo nota. E naquela pretensão, queria ser um gavião. E quando estava feliz, queria ser a misteriosa perdiz. E vejam então que vergonha, quando quis ser a sagrada cegonha." - Jorge Mautner

To Tumblr, Love Pixel Union